Eles não crescem

Os homens são eternos garotos, vai ser sempre assim. A idade não lhes passa pelo espírito. E o de cá de casa não é excepção. Tudo é motivo e desculpa para fazer una graçola.

Boa disposição é sempre uma coisa boa, e graças a ele temos sempre muita disponível. O problema é quando se trata de educar a Madalena, ele é o primeiro a rir-se com as tolices dela. Está sempre a aprontar uma nova. Hoje o jantar tinha esparguete e não é que o menino se lembrou de encher a boca e deixar metade do esparguete do lado de fora. Levanta os olhos do prato e vai de mostrar à filha o lindo serviço. Arrependeu-se numa fração de segundos mas, mesmo assim foi o tempo suficiente para eu lhe fazer cara de má.

Ora eu ando sempre a dizer que não se brinca com comida e o pai faz uma coisa destas! Não me zanguei e ainda acabei por me rir da situação e comentei com ele que ainda está para chegar o dia que ele vai crescer.

És uma eterna criança sempre disposto a brincar e a fazer piadas sem graça nenhuma, e na verdade também é por isso que eu te amo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s