Piscinando

Se está calor metermos os miúdos de molho…

Acho que temos que montar a piscina grande para os pais (ou pelo menos a mãe) ter direito a refrescar-se também.

Olhando para a foto até parece que eles são dois amores um com o outro, não se deixem enganar eles só concordam numa coisa: dar cabo do juízo da mãe!

Recriar

Os pássaros andam a roubar-nos as amoras.

Nós fizemos um espanta-pássaros.
Os materiais que iam para o contentor (da reciclagem) ganharam nova vida e já estamos a preparar-nos para fazer mais exemplares.

Quem sabe temos aqui uma oportunidade de negócio 🤪

E agora férias

Hoje a minha filha terminou o seu primeiro ano de escola.

Foi uma viagem do caraças. Ela esteve sempre à altura do desafio. Mesmo quando nos fecharam novamente em casa e ela teve que passar ter aulas online.

Ver a minha filha entrar naquela escola todos os dias, na “mesma” escola onde eu também já estudei é algo de mágico.

Ver tudo aquilo que ela aprendeu este ano deixa-me completamente fascinada. Nunca ela se queixou de ter trabalhos de casa ou de as aulas serem uma seca. Lá vira o dia eu sei mas por agora posso dizer que ela gosta mesmo da escola.

Agora venham as férias, os horários flexíveis, os dias de brincadeira, os dias de praia, a aldeia colorida e sei lá mais o quê.

TU MERECES TUDO FILHA.

A mãe está babada e ainda se pergunta onde foi parar a minha menina pequenina…

Da minha horta

Qualquer dia posso mandar os meus legumes para o Guiness.

Está publicação serve para comprovar quem tem 🍅🍅 cá em casa e que são grandes e de boa qualidade.


Já agora aproveito para partilhar convosco uma piadola que o meu filho faz.

O que diz o tomate para a tomata?
Tu matas-me!

Adeus e boa noite 😁

Voltei

Já nem lembrava o quanto gostava de fazer isto.

Entre confinamentos, estadias em casa com crianças, tempo dedicado apenas à escrita acabei por passar pouco tempo no laboratório durante o último ano e meio.

É ali que eu também estou feliz.

Hoje estou podre mas satisfeita por poder estar novamente a fazer perguntas e propor respostas.

PS: escrever em tampas de eppendorfs não é mesmo a minha cena!